quarta-feira, março 22

Dia Mundial da Água
Quercus preocupada com qualidade da água


Os recursos hídricos nacionais continuam ameaçados. O desperdício de água ainda é elevado. Agricultura polui e é a que mais gasta.

Sete activistas da Quercus vestidos de gotas de água assinalaram hoje o Dia Mundial da Água. Em Lisboa, no Largo Camões, alertaram para os sete problemas que afectam a qualidade dos recursos hídricos. A Quercus considera «urgente a implementação do Programa Nacional para o Uso Eficiente da Água».

As críticas da organização ambiental vão desde o desperdício de água, até às falhas na monitorização e tratamento. O Sector agrícola lidera o consumo de água, com 87 por cento. É também o que mais desperdiça: 88 por cento. Segue-se, no consumo, o sector industrial, com oito por cento e o sector doméstico com cinco.

A associação lembra que «mais de 30 por cento dos recursos hídricos superficiais monitorizados tem qualidade má ou muito má». Também «os recursos subterrâneos possuem alguns casos de contaminação e sobrexploração preocupantes». O principal problema é a «contaminação decorrente da utilização abusiva de fertilizantes químicos e pesticidas».

As ameaças aos oceanos também preocupam a Quercus. «Desde 1974 ocorreram mais de 90 incidentes relativos à poluição marítima, dos quais 20 originaram contaminação do litoral». A Associação alerta que «num país que aposta no turismo, as consequências de um novo acidente podem ser catastróficas».

Luís Galrão
22 de Março, 17:56

Sem comentários:

Related Posts Plugin...