terça-feira, março 31

«Isaltino assume ter 900 mil euros no banco»

No Diário de Notícias: "A sessão de ontem do julgamento do "caso Isaltino'" fica marcada por mais uma confissão. "As declarações de rendimentos não correspondem minimamente ao meu património", revelou Isaltino Morais ao tribunal. O procurador Luís Eloy nem necessitou de analisar todos os documentos entregues ao Tribunal Constitucional desde a data em que o arguido assumiu funções na Câmara de Oeiras. "Essas declarações não valem nada porque nunca foram levadas a sério. Na altura era assim", justificou Isaltino." [notícia integral]

Sem comentários:

Related Posts Plugin...