terça-feira, março 28

França
Jornada de luta mobiliza «três milhões de franceses»


Centenas de manifestações tentam pressionar o primeiro-ministro francês. «Milhões» na rua contra o Contrato de Primeiro Emprego. Polícia teme protestos violentos.

«Somos mais de três milhões de cidadãos em protesto pelas ruas de França», contabiliza Bernard Thibault, líder da principal central sindical, a CGT. «É um dia histórico» na luta contra o Contrato de Primeiro Emprego (CPE). A oposição e os Sindicatos convocaram centenas manifestações e greves em mais de 70 cidades.

França vive esta tarde um «ponto de viragem decisivo», considera o sindicalista. Os protestos pretendem convencer o Primeiro-Ministro a retirar o CPE. «É impensável que Dominique de Villepin continue irredutível», afirma Thibault. As greves afectam sobretudo os sectores do ensino e dos transportes. Um terço dos voos do principal aeroporto francês, Orly, foram cancelados.

As atenções centram-se sobre Paris, onde já decorrem as primeiras manifestações. As autoridades receiam que grupos de jovens violentos dêem origem a confrontos com a polícia. Os protestos contra o CPE começaram em Fevereiro. A lei permite o despedimento sem justa causa de menores de 26 anos, nos dois primeiros anos de trabalho.

Luís Galrão
28 de Março, 14:54 [Editado pela Isabel]

Sem comentários:

Related Posts Plugin...